sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

2012…Já?


 O Calendário…
Uma vez mais o calendário!
Organizado,
atrativo,
publicitário,
mensageiro
ou apenas datativo.

Hoje assinala
Dezembro, vinte e nove
de dois mil e onze.
Em breve
Janeiro de dois mil e doze…
Gosto de números pares,
evoca-me sensação
de partilha.
O ímpar, solidão.
Sentimento quase palpável
com a palma da mão
no presente das cidades,
no futuro das aldeias,
no agora das ruas
com gente, mas nuas.

Que raio!
Este poema sai ao contrário!
De suposta mensagem de harmonia
e votos de felicidades,
escrevo palavras de agonia
e espanto amizades!

Domestico-me…
No meu parco vocabulário
folheio, como num passeio,
os sentidos positivos.
Procuro objetivos
a traçar em folha branca.
Decido-me…
Em caligrafia primária,
escrevo numa folhinha
uma palavra mágica:
AMIGO,
- acrescento -
SONHA COMIGO!

Neste arremesso de poema, em jeito de votos de um ótimo 2012, expresso o que quero para ti: quando te sentires à beira do abismo, lembra-te que alguém te pediu que pensasses em mim e sonhasses comigo os sonhos que, sozinha, não serei capaz de realizar!

10 comentários:

  1. Olá EU. Quando as coisas me saem de pernas para o ar nunca me aconteceu afugentar amizades, só gente vagamente conhecida. Já que 2012 chega, o melhor é
    aproveitar. Um grande ano para si. Um beijo.

    ResponderEliminar
  2. Feliz Ano Novo estimada amiga :-)
    Mas não creia que espanta amizades pois na verdade a sua escrita cativa...
    Um Abraço

    ResponderEliminar
  3. maos abertas coraçao amplio para um ano que se avizinha e se intui um pouco dificil!!Minha amiga tu cativas até o firmamento se pudesse baixar e ler*te..rsrsr
    Para ti que sempre tens uma palavra certeira e uma intençao clara que tenhas este ano que se inicia ao teu redor a luz para que sempre te encontres com inspiraçao e nós que possamos acompanhar-te em mais 366 em harmonia..muito amor e paz doce EU...

    ResponderEliminar
  4. Mas que descaramento... então pedes-me para sonhar contigo...? rsrs...
    Mas olha que eu gostei do poema.
    Odete, querida amiga, desejo que tenhas um FELIZ ANO NOVO, com tudo de bom para ti e para os teus.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  5. Virei comentar com calma...
    Mas tinha que dizer ao Nilson que ele, sendo poeta, percebeu bem a linguagem metafórica! Sentido de humor, Nilson Baecelli!!!
    Para já bjos aos que aqui vierem... :)

    ResponderEliminar
  6. Ah, ainda voltei: acabei de ver que a linda Inês deixou uma série de comentários em posts anteriores...
    Bjuzzz, linda alma :)

    ResponderEliminar
  7. ok, vou sonhar ...!
    amiga Odete, desejo-te um Feliz Ano 2012, td de bom... jocass

    ResponderEliminar
  8. Fernanda Morais02 janeiro, 2012

    Gostei muito,um Feliz 2012 para ti e tua familia bjinhos

    ResponderEliminar
  9. Bem, já é mais que tempo de responder a estes amáveis visitantes e amigos...

    José Sousa:ainda bem que disse que não afugento amigos; assim sempre terei alguns a ousar comentar! Obg e que o ano que já iniciou decorra próximo dos seus desejos (com a crise não me atrevo a desejar mais!):)

    joaquim Antero Oliveira: sucessos na sua vida pessoal e literária, é o que lhe desejo; grata por estar comigo nestas lides :)

    Inês: que mais posso dizer-te que não esteja contido no poema? Sei que me acompanharás no sonho da concretização de muitos projetos, sonhando comigo :)

    Nilson Barcelli: já respondi en passant... E bem sei que também o sonho te acompanha, basta ler a tua poesia! :)

    zezinho: como amigo que és, sei que percebeste e também farás concretizar sonhos :)

    Fernanda: obg, minha amiga, por gostares e estares presente mesmo ausente fisicamente. O melhor para todos vós :)

    cunha ribeiro: obg pela visita; será sempre interessante que o sonho se concretize, cada qual com a sua especificidade interventiva :)

    A todos, o meu grande apreço...Bjos e sorrisos :) (E que daqui a um ano possamos ainda estar presentes, aqui ou em outro lado qualquer...)

    ResponderEliminar